O traficante Antônio Bomfim Lopes, conhecido como Nem, já é aguardado no Aeroporto Internacional de Campo Grande, de onde deve ser levado para o Presídio Federal nesta manhã de sábado.

Já é aguardado no Aeroporto Internacional de Campo Grande o traficante Antônio Bonfim Lopes, o Nem, transferido neste sábado (19) para o Presídio Federal de Segurança Máxima em Mato Grosso do Sul.

O pedido de transferência foi feito pelo Tribunal de Justiça do Rio e autorizado pela Justiça Federal. A aeronave da Polícia Federal decolou nesta manhã do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro.
 
O presídio Federal de Campo Grande deve receber também Anderson Rosa Mendonça, o Coelho, Valquir Garcia dos Santos, o Carré, e o traficante conhecido como Flávio, presos na última quarta-feira. Nem foi capturado na madrugada de quinta-feira, quando tentava fugir escondido no porta-malas do carro de um de seus advogados. Os quatro serão transportados em avião da Polícia Federal.

Delação

 A expectativa da cúpula da segurança no estado é por um pedido de Nem para aderir ao mecanismo da delação premiada. O traficante manteve sua estrutura de poder na favela graças a um esquema de corrupção que fazia pagamentos fixos a policiais.

O objetivo é fazer Nem entregar os nomes dos policiais corruptos e, com isso, obter redução de pena. (Com informações da Veja.com)