O Palmeiras recusou a proposta do Grêmio pelo atacante Kleber. A confirmação foi feita pelo presidente Arnaldo Tirone na tarde desta sexta-feira, na Academia de . A oferta foi entregue ao clube paulista pelo empresário Guiseppe Dioguardi, que gerencia a carreira do jogador.

– Achamos ruim e sempre queremos mais. Eles ofereceram muito pouco. Claro que podem nos dar um jogador, mas não adianta dar qualquer um. O (Roberto) Frizzo (vice de futebol) está à frente do negócio, mas é importante dizer que o Kleber é do Palmeiras, e nós vamos dar o valor final – afirmou o mandatário palmeirense.

Kleber está afastado dos treinos com os demais jogadores há três semanas, desde que discutiu com Luiz Felipe Scolari. O treinador chegou a declarar que não o queria mais no elenco, abrindo brecha para a diretoria iniciar um processo de negociação com outros clubes.

O Gladiador, que retornou ao Alviverde em 2010, ainda tem parte de seus direitos presos ao Cruzeiro – 50% para os mineiros. O restante pertence ao Palmeiras, que pagou para ter um percentual do jogador.