Geral

Pacientes de MS estão sem medicamento contra déficit de crescimento há 40 dias

O medicamento Hormotrop – utilizado em crianças que tem problemas de crescimento – está em falta há cerca de quatro meses na Casa de Saúde – entidade ligada a SED (Secretaria de Estado de Saúde) que distribui a medicação às famílias carentes no estado. Segundo a mãe de uma criança que está em tratamento, seu […]

Arquivo Publicado em 22/12/2011, às 15h31

None

O medicamento Hormotrop – utilizado em crianças que tem problemas de crescimento – está em falta há cerca de quatro meses na Casa de Saúde – entidade ligada a SED (Secretaria de Estado de Saúde) que distribui a medicação às famílias carentes no estado.


Segundo a mãe de uma criança que está em tratamento, seu filho está com o tratamento comprometido por causa da falta da medicação. “O tratamento é contínuo. Se a gente interrompe perde tudo que conseguimos avançar. Eles não podem ficar 40 dias sem o remédio”, reclama.


Outro lado


Segundo a assessoria de imprensa do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, a medicação já foi adquirida e não chegou à farmácia da Casa de saúde porque está em falta no laboratório.


A assessoria informou que o laboratório está com problemas na entrega em todo o país e que no dia 14 de dezembro pediu um novo prazo para entregar o Hormotrop que se encerra no dia 24 de dezembro.


Ainda segundo a assessoria há apenas um laboratório no país autorizado para trabalhar com essa medicação e por isso o atraso.


A doença


Déficit de crescimento em criança ou baixa estatura infantil é quando a criança apresenta estatura abaixo do percentil 3 na curva de crescimento ou mesmo uma redução no ritmo de crescimento e no ganho de peso.


Os motivos que levam a criança a ter um déficit de crescimento, são hereditários ou porque a criança nasceu com baixo peso, ou apresenta alguma doença ou pela falta de hormônio de crescimento.


Se a causa for deficiência hormônio de crescimento, a criança deve ser encaminhada ao endocrinologista infantil para ser medicada e acompanhada. O tratamento consiste em reposição hormonal [Hormotrop].


A duração do tratamento com hormônio vai depender de vários fatores, mas em geral vai até a obtenção da estatura final ou adequada ao padrão familiar.

Jornal Midiamax