O jovem conhecido como Maníaco da Cruz, foi examinado nesta manhã por psiquiatra nomeado pela justiça nesta sexta-feira (18) pela manhã em Dourados. O doutor Pedro Leopoldo de Araújo Ortiz é o psiquiatra responsável por uma série de exames que vai apontar para a justiça se jovem volta ao convívio social ou segue internado.

Segundo o psiquiatra, este foi um primeiro contato e que os exames devem seguir durante algum tempo. Essa primeira fase deve terminar em 20 dias e a vistoria clínica feita hoje vai ser encaminhada para Campo Grande, onde uma equipe de psicólogos e psiquiatras vai analisar e assinalar à justiça os resultados.

O psiquiatra afirma ainda que a ‘psicopatia’ apresentada pelo jovem não é incomum, havendo vários casos no Brasil e no Mato Grosso do Sul diagnosticados. Porém o médico afirma que algumas pessoas desenvolvem e outras não. Os casos mais comuns são na adolescência e é imprescindível que a família esteja atenta a sinais no comportamento dos adolescentes como apatia e mesmo pequenos atos de perversidade.

O jovem voltou para a UNEI de Ponta Porã enquanto aguarda novos exames. Segundo o psiquiatra não tem um tempo estimado para que se conclua o caso. Moradores de Dourados, principalmente do Jardim Água Boa. Segundo informações a família do ‘maníaco’ teria se mudado para a cidade este ano, sendo que uma vez a justiça determinando a soltura do rapaz, o provável destino dele seria a casa de familiares.