Geral

Jogador de 21 anos é morto quando deixava estádio

O atacante panamenho Javier De La Rosa, de apenas 21 anos, foi morto nesta nesta sexta-feira, após participar da goleada do Chorrillo, que garantiu vaga na final do Campeonato Panamenho, sobre o Tauro por 4 a 0. Segundo informações do jornal “El Siglo”, o jogador foi assassinado na saída do Estádio Javier Cruz, na Cidade […]

Arquivo Publicado em 07/05/2011, às 22h27

None

O atacante panamenho Javier De La Rosa, de apenas 21 anos, foi morto nesta nesta sexta-feira, após participar da goleada do Chorrillo, que garantiu vaga na final do Campeonato Panamenho, sobre o Tauro por 4 a 0. Segundo informações do jornal “El Siglo”, o jogador foi assassinado na saída do Estádio Javier Cruz, na Cidade do Panamá, quando se preparava para festejar a vitória com seus familiares e amigos.


De acordo com a publicação, um homem se aproximou de Javier e realizou disparos, fugindo em seguinda, desaparecendo em meio ao público que deixava o local. Os outros jogadores do Chorrillo permaneceram com o corpo aguardando a chegada dos policiais – que deixaram o estádio antes do término da partida..


Javier tinha antecedentes criminais, sendo preso em 2008 sob acusação de homicídio. Após dois anos de reclusão, voltou a jogar futebol, ajudando a levar o Chorrillo à final do Torneio Clausura marcando um gol no jogo decisivo contra o Tauro. A final será disputada contra o San Francisco.

Jornal Midiamax