Geral

Grêmio perde invencibilidade e enfrenta Ypiranga nas quartas

O Campeonato Gaúcho não tem mais times invictos. Neste domingo, o Grêmio visitou o Novo Hamburgo e foi derrotado por 2 a 0, na última rodada da fase regular do primeiro turno. Líder do Grupo 1, o time tricolor enfrentará o Ypiranga nas quartas de final da Taça Piratini. A equipe do técnico Renato Gaúcho […]

Arquivo Publicado em 13/02/2011, às 23h29

None

O Campeonato Gaúcho não tem mais times invictos. Neste domingo, o Grêmio visitou o Novo Hamburgo e foi derrotado por 2 a 0, na última rodada da fase regular do primeiro turno. Líder do Grupo 1, o time tricolor enfrentará o Ypiranga nas quartas de final da Taça Piratini.


A equipe do técnico Renato Gaúcho encerrou a fase inicial com 17 pontos na liderança da chave. As outras vagas ficaram com Juventude, Cruzeiro e Veranópolis.


Com o Estadual encaminhado, o Grêmio usou o confronto com o Novo Hamburgo para preparar sua equipe para a Libertadores. Buscando retomar seu ritmo de jogo, Borges fez dupla de ataque com André Lima. No meio de campo, Carlos Alberto fez sua estreia com a camisa tricolor.


O Grêmio não perdia uma partida deste outubro de 2010, quando foi derrotado pelo Fluminense, no Campeonato Brasileiro. Nesta temporada, o time comandado pelo treinador Renato Gaúcho acumulou uma sequência de nove partidas sem derrota – sete pelo Estadual e duas pela Pré-Libertadores.


Diante de um time já classificado e sem grandes objetivos, o Novo Hamburgo dominou as ações durante o primeiro tempo, mas não conseguiu inaugurar o marcador, o que aconteceu apenas aos 10min da etapa complementar. Paulão cometeu pênalti em cima de Fabinho e Cláudio Luiz abriu o placar.


Logo depois de sofrer o gol, Renato Gaúcho sacou Willian para a entrada de Diego Clementino e armou um 4-3-3. No entanto, a alteração não surtiu o efeito desejado. Três minutos depois de abrir o placar, Rodrigo Mendes aproveitou rebote do goleiro Victor e ampliou.


Após a derrota no torneio estadual, o Grêmio volta a campo para enfrentar o Oriente Petrolero-BOL às 19h45 (de Brasília) da próxima quinta-feira, no Estádio Olímpico. O confronto marca o início da fase de grupos da Copa Libertadores. Além dos bolivianos, o time brasileiro está ao lado de León de Huánaco-PER e Atlético Junior-COL.

Jornal Midiamax