Geral

Forças israelenes abrem fogo contra manifestantes na fronteira com a Síria

Dezenas de pessoas ficaram feridas e quatro foram mortas quando forças israelenses abriram fogo contra uma multidão de manifestantes na região das Colinas de Golã, território ocupado por Israel na fronteira com a Síria, neste domingo (15). A data é lembrada pelos palestinos como o ‘dia da catástrofe’ – ou ‘Nakba’, pelo aniversário da criação […]

Arquivo Publicado em 15/05/2011, às 09h54

None

Dezenas de pessoas ficaram feridas e quatro foram mortas quando forças israelenses abriram fogo contra uma multidão de manifestantes na região das Colinas de Golã, território ocupado por Israel na fronteira com a Síria, neste domingo (15). A data é lembrada pelos palestinos como o ‘dia da catástrofe’ – ou ‘Nakba’, pelo aniversário da criação do Estado de Israel.

Segundo o jornal ‘Haartz’ e a agência Reuters, quatro pessoas foram mortas. Segundo a agência Associated Press, entre 10 e 20 pessoas ficaram feridas. O incidente ocorreu na vila drusa de Majdal Shams.

Israel ocupou o território de Golã na guerra de 1967, e, embora a Síria reivindique o território como parte de qualquer acordo de paz, a região tem tido relativa paz durante décadas.

Jornal Midiamax