Geral

Dourados vence o Campeonato de Breaking realizado no MS Street Dance

A final do Campo Grande Urban Champ, no domingo (13), dentro do MS Street Dance Fest. As batalhas demonstraram a evolução técnica dos mais de 50 inscritos. Quem levou a melhor foi o grupo We Love to Rock, de Dourados, que desbancou a equipe Project Union, de Campo Grande e ADR Crew, de Sorriso, no […]

Arquivo Publicado em 15/11/2011, às 00h19

None

A final do Campo Grande Urban Champ, no domingo (13), dentro do MS Street Dance Fest. As batalhas demonstraram a evolução técnica dos mais de 50 inscritos. Quem levou a melhor foi o grupo We Love to Rock, de Dourados, que desbancou a equipe Project Union, de Campo Grande e ADR Crew, de Sorriso, no Mato Grosso.


Para avaliar os grupos, um júri especial foi escolhido a dedo, nomes como o melhor dançarino de breaking da atualidade – B-boy Neguim; Mister Kokada – dançarino da Tsunami, e Mark – B-boy de Cuiabá. Seis grupos de crew participaram da final que arrancou palmas do público, que foi até o Teatro de Arena do Horto Florestal.


Formado em 2006 em Dourados, o crew vem acumulando resultados positivos, prova disso são os prêmios faturados inclusive na Argentina e no Paraguai. “Viemos especialmente para este evento. Foi um mês de preparação, treinamos seis dias na semana e no mínimo duas horas de treino”, admitiu Luan Dalmaso Arce, 22, b-boy do grupo.


De acordo com os integrantes do We Love to Rock o prêmio, no valor de R$ 2.500 (dois mil e quinhentos reais), vai servir para levá-los a outros festivais e dar continuidade ao trabalho desenvolvem. O organizador do Campo Grande Urban Champ, Márcio Oliveira, considera esta premiação um verdadeiro incentivo aos grupos: “O evento foi de grande nível, foi visível a evolução dos grupos, tanto que empolgou quem foi prestigiar”.


Os B-boys Mister Kokada e Neguim ressaltaram ainda a evolução técnica dos grupos. “Participei como jurado desde o ano passado, e notei a melhora no nível dos crews. Nas batalhas, além dos movimentos, analiso o conjunto da dança, desde a expressão até a atitude”, disse Mister Kokada. Da mesma opinião compartilha Neguim que avisou também, que no ano que vem pretende ministrar um workshop para B-boys.

Jornal Midiamax