Geral

Câmara aprova urgência para votação do Código Florestal

A Câmara dos Deputados aprovou, há pouco, a urgência constitucional para votação do projeto de lei do novo Código Florestal brasileiro. Foram 399 votos favoráveis, 18 contrários e 1 abstenção. Com a aprovação da urgência, o código poderá ser votado amanhã (4), em sessão extraordinária da Câmara. Apenas as lideranças do bloco PV-PPS declarou obstrução […]

Arquivo Publicado em 04/05/2011, às 01h41

None

A Câmara dos Deputados aprovou, há pouco, a urgência constitucional para votação do projeto de lei do novo Código Florestal brasileiro. Foram 399 votos favoráveis, 18 contrários e 1 abstenção. Com a aprovação da urgência, o código poderá ser votado amanhã (4), em sessão extraordinária da Câmara.


Apenas as lideranças do bloco PV-PPS declarou obstrução à votação da urgência e o P-SOL orientou sua bancada a votar contra o requerimento de urgência. Os demais partidos, incluindo o PT, recomendaram voto favorável à aprovação da urgência. A aprovação da urgência se faz necessária, porque assim a votação do código não tem que seguir a fila de projetos prontos para votações.


À noite, o relator do Código Florestal, deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), disse que as negociações para aparar algumas divergências em torno do seu texto continuarão amanhã até a hora da votação, visando a buscar o máximo de consenso em torno da proposta a ser colocada em votação. Amanhã, à tarde, Aldo Rebelo vai se reunir com a bancada do PT para os acertos finais sobre o texto.

Jornal Midiamax