A Apple confirmou nesta quarta-feira (2) que o recém-lançado iPhone 4S tem um problema de software, que faz com que a carga de bateria do smartphone acabe em menos tempo que o iPhone 4, antecessor do novo modelo. A informação foi dada pelo blog “All Thing Digital”, ligado ao jornal americano “The Wall Street Journal”.

“Um número pequeno de consumidores reclamou que a bateria de dispositivos com o sistema iOS 5 [como iPhone, iPad e iPod touch] tem apresentado desempenho menor que o esperado”, informou a Apple em comunicado. “Nós encontramos algumas falhas que afetam a vida útil da bateria e nós lançaremos uma atualização do software para solucionar isso em algumas semanas.”

As reclamações sobre a bateria do iPhone 4S começaram a ganhar espaço em fóruns especializados com o início da venda do smartphone no mês passado. Segundo o blog “All Things Digital”, os problemas com a bateria variavam de acordo com a rede em que o usuário se conectava e aos padrões de uso do proprietário do telefone.

Apesar de a Apple não ter postado nenhum tipo de suporte aos funcionários, em alguns fóruns uns usuários informaram ter solucionado o problema limitando notificações e desligado o recurso que automaticamente ajusta o smartphone para novos fusos horários.

Ok, mas quando chega no Brasil?
O Brasil ainda não entrou oficialmente no calendário da Apple para o lançamento do iPhone 4S. Porém, recentemente, a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) homologou o smartphone da Apple para o mercado brasileiro – em outras palavras, a Apple já tem a autorização para iniciar a comercialização no Brasil.

Caso a Apple use o mesmo tipo de estratégia utilizada com o iPhone 4 (foi lançado no Brasil um mês após a homologação), o último smartphone da Apple deve chegas nas lojas do país até o fim do ano.