Geral

Plenária na FETEMS decide últimos dias de campanha de Dilma em MS

Uma plenária dos partidários e aliados da coligação “A força do Povo” realizam na FETEMS (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul) uma plenária para decidir as últimas ações para a reta final da campanha da petista Dilma Roussef no Estado. Segundo Gilda do PT, a plenária serve para reunir forças e […]

Arquivo Publicado em 27/10/2010, às 23h25

None

Uma plenária dos partidários e aliados da coligação “A força do Povo” realizam na FETEMS (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul) uma plenária para decidir as últimas ações para a reta final da campanha da petista Dilma Roussef no Estado.

Segundo Gilda do PT, a plenária serve para reunir forças e decidir ações. “Vamos nos reunir e ver como será o dia das eleições, conclamar as pessoas a votarem e discutir o que será feito de amanhã até o próximo dia 31”, explica ela, sobre a data do segundo turno para as eleições presidenciais.

Os petistas querem melhorar a votação de Roussef no Estado. Mato Grosso do Sul está entre os oito estados nos quais Dilma teve menos votos que José Serra. No primeiro turno, em MS, Dilma teve cerca de 517 mil votos (39%) e o tucano mais de 550 mil (42%).

Já na votação nacional a petista saiu vitoriosa, Dilma recebeu 47.651.434 votos (46,91% dos votos válidos) e José Serra obteve 33.132.283 (32,61% dos votos válidos).

Jornal Midiamax