Geral

Massa fica em 4º no último treino livre para o GP da Itália

O inglês Lewis Hamilton desbancou a Red Bull na manhã deste sábado para fazer o melhor tempo do terceiro e último treino livre para o GP da Itália. Após o alemão Sebastian Vettel liderar a segunda sessão da sexta-feira, Hamilton voltou a colocar a McLaren na frente – no primeiro treino livre, o seu compatriota […]

Arquivo Publicado em 11/09/2010, às 12h11

None

O inglês Lewis Hamilton desbancou a Red Bull na manhã deste sábado para fazer o melhor tempo do terceiro e último treino livre para o GP da Itália. Após o alemão Sebastian Vettel liderar a segunda sessão da sexta-feira, Hamilton voltou a colocar a McLaren na frente – no primeiro treino livre, o seu compatriota Jenson Button já havia sido o melhor.




O campeão de 2008 da Fórmula 1 cravou o tempo de 1min22s498 no circuito de Monza. Vettel seguiu bem, em segundo, com 1min22s545, e mantém a esperança da Red Bull de conquistar a sua 13.ª pole em 14 etapas na temporada. A Ferrari também se mostrou forte na última sessão livre e colocou o espanhol Fernando Alonso em terceiro, seguido pelo brasileiro Felipe Massa.



O atual campeão Button foi o quinto colocado da sessão e o companheiro de Vettel sofreu com problemas em seu carro. O australiano Mark Webber abandou o treino precocemente e teve apenas o sétimo melhor tempo, logo atrás de Nico Rosberg, que segue sendo melhor que o alemão Michael Schumacher na Mercedes.



Os outros brasileiros não se destacaram no último treino livre. Rubens Barrichello foi apenas o 11.º colocado com a Williams e terá que se superar para avançar até a terceira parte da classificação oficial, entre os dez primeiros. Lucas Di Grassi, da Virgin, ficou em 22.º, seguido por Bruno Senna, em 23.º com a Hispania.



O treino oficial para o GP da Itália acontece ainda na manhã deste sábado. A largada para a corrida em Monza está marcada para as 9 horas (de Brasília) no domingo.



Confira os tempos do terceiro treino livre para o GP da Itália:



1.° – Lewis Hamilton (ING/McLaren), 1min22s498


2.° – Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), 1min22s545


3.º – Fernando Alonso (ESP/Ferrari), 1min22s644


4.° – Felipe Massa (BRA/Ferrari), 1min22s648


5.° – Jenson Button (ING/McLaren), 1min22s724


6.° – Nico Rosberg (ALE/Mercedes), 1min22s946


7.° – Mark Webber (AUS/Red Bull), 1min23s082


8.° – Nico Hulkenberg (ALE/Williams), 1min23s129


9.° – Robert Kubica (POL/Renault), 1min23s209


10.° – Adrian Sutil (ALE/Force India), 1min23s303


11.° – Rubens Barrichello (BRA/Williams), 1min23s450


12.° – Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso), 1min23s673


13.° – Michael Schumacher (ALE/Mercedes), 1min23s896


14.° – Kamui Kobayashi (JAP/Sauber), 1min23s908


15.° – Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso), 1min23s909


16.° – Vitaly Petrov (RUS/Renault), 1min23s967


17.° – Pedro de la Rosa (ESP/Sauber), 1min24s191


18.° – Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India), 1min24s439


19.° – Jarno Trulli (ITA/Lotus), 1min25s788


20.º – Heikki Kovalainen (FIN/Lotus), 1min25s925


21.° – Timo Glock (ALE/Virgin), 1min26s434


22.° – Lucas Di Grassi (BRA/Virgin), 1min26s682


23.° – Bruno Senna (BRA/Hispania), 1min27s471


24.° – Sakon Yamamoto (JAP/Hispania), 1min28s730

Jornal Midiamax