Geral

Leitora do Midiamax registra formação de micro-tornado na Capital; veja o vídeo

De acordo com o meteorologista Natálio Abrão, da Uniderp, o evento surge no solo a partir da diferença de temperatura entre o solo e o ambiente.

Arquivo Publicado em 08/09/2010, às 12h45

None

De acordo com o meteorologista Natálio Abrão, da Uniderp, o evento surge no solo a partir da diferença de temperatura entre o solo e o ambiente.

Uma leitora do Midiamax flagrou um micro-tornardo ocorrido na Base Aérea de Campo Grande, no dia 6. Na ocasião, a leitora, que estava no aeroporto da Capital, aguardava sua mãe que estava chegando de um voo de Brasília.


De acordo com o meteorologista Natálio Abrão, da Uniderp, o fenômeno pode ser caracterizado como um micro-tornado. O evento surge no solo a partir da diferença de temperatura entre o solo e o ambiente. Em geral, o micro-tornado tem curta duração e dimensões reduzidas, sendo popularmente conhecido como redemoinho.


Já os tornados variam de 2 a 300 metros de diâmetro, e sua formação inicial não pode ser vista, já que tem origem nas nuvens e é projetado em direção ao solo.

Jornal Midiamax