Geral

Investigação da PF de Corumbá respalda condenação de traficantes

Uma investigação iniciada pela Polícia Federal de Corumbá resultou na denúncia oferecida pelo Ministério Público Estadual da Comarca de Coxim contra cinco pessoas por associação e tráfico de drogas. Os policiais federais receberam uma denúncia anônima que dizia que os acusados estavam traficando drogas utilizando o rio Taquari. Na investigação, eles concluíram que a droga […]

Arquivo Publicado em 10/09/2010, às 18h26

None

Uma investigação iniciada pela Polícia Federal de Corumbá resultou na denúncia oferecida pelo Ministério Público Estadual da Comarca de Coxim contra cinco pessoas por associação e tráfico de drogas.


Os policiais federais receberam uma denúncia anônima que dizia que os acusados estavam traficando drogas utilizando o rio Taquari. Na investigação, eles concluíram que a droga era enviada de Corumbá para a cidade de Coxim.


Assim, a 1ª Promotoria de Justiça de Coxim ofereceu denúncia pedindo a condenação dos acusados junto ao judiciário da Comarca de Coxim.


O Juiz Cláudio Müller Pareja, sentenciou Marlon Nischespois Correa, Carlos Acuna Alves Bezerra e Júlio César Brandão Duarte pela prática dos crimes de tráfico de drogas e associação. Segundo a decisão, Marlon cumprirá a pena de 19 anos de reclusão. Já Carlos Acuna e Júlio César foram condenados a 14 anos e 13 anos e 06 meses respectivamente.


Também foram condenados Eduardo Alencar Batista e Evaldo Paniago França, enquadrados apenas pelo tráfico de drogas, previsto no art. 33 da Lei 11.343/2006. Ambos deverão cumprir a pena de seis anos e meio de reclusão.

Jornal Midiamax