Geral

Índios de Paranhos tem dez dias para desocupar área

A Vara de Justiça Federal de Ponta Porã acatou o pedido e expediu o mandado de reintegração de posse impetrado em favor dos proprietários da fazenda São Luiz, no município de Paranhos. Foi determinada a retirada do grupo formado por 45 índios, em prazo estipulado de dez dias. Há dois meses, eles ocupam a área […]

Arquivo Publicado em 22/10/2010, às 18h26

None

A Vara de Justiça Federal de Ponta Porã acatou o pedido e expediu o mandado de reintegração de posse impetrado em favor dos proprietários da fazenda São Luiz, no município de Paranhos.

Foi determinada a retirada do grupo formado por 45 índios, em prazo estipulado de dez dias. Há dois meses, eles ocupam a área parte da propriedade rural invadida.

Na decisão judicial, ficou expressada a determinação para que a Polícia Federal e a Fundaçao Nacional do Índio (Funai) acompanhe a retirada, visando resguardar a integridade física dos indígenas,m que estão na áre desde agosto.

A fazenda São Luiz é a mesma na qual os professores indígenas Genivaldo Vera e Rolindo Vera desapareceram no dia 31 de outubro do ano passado.

Jornal Midiamax