Geral

Empreiteira de Três Lagoas está no esquema de licitações

Além da empresa financial, responsável pela coleta de lixo, a empreiteira CGR, que realiza obras de pavimentação asfáltica em Três Lagoas, também está envolvida no esquema de licitações em Dourados. O engenheiro Carlos Gilberto Recalde da CGR foi preso na Operação Uragano, deflagrada ontem (1) em Dourados pela Polícia Federal. Recalde e mais três empresários […]

Arquivo Publicado em 02/09/2010, às 18h50

None

Além da empresa financial, responsável pela coleta de lixo, a empreiteira CGR, que realiza obras de pavimentação asfáltica em Três Lagoas, também está envolvida no esquema de licitações em Dourados.


O engenheiro Carlos Gilberto Recalde da CGR foi preso na Operação Uragano, deflagrada ontem (1) em Dourados pela Polícia Federal. Recalde e mais três empresários foram presos acusados de participação em fraudes de licitações.


Segundo o que foi apurado pela Polícia Federal, as empresas que participavam do esquema ganhavam as licitações e davam, 10% de comissão ao prefeito.


Além de Três Lagoas e Dourados, a empreiteira presta serviço de pavimentação asfáltica em outros municípios do Estado.


Atualmente, em Três Lagoas a empreiteira está realizando obras de pavimentação em ruas do bairro São João, trabalhando na duplicação da rodovia BR-158, e na recuperação da BR-262.


Além dos empresários, foram presos na operação, o prefeito de Dourados, Ari Artuzi (PDT), a primeira dama, Maria Aparecida de Freitas Artuzi, o vice- prefeito Carlinos Cantor (PR), nove vereadores e seis secretários municipais.

Jornal Midiamax