Geral

Emissão de cheques sem fundos aumenta mais 12% em novembro

No mês de novembro a emissão de cheques sem fundos em Mato Grosso do Sul aumentou 12% comparado a outubro, quando o volume de lâminas devolvidas por falta de fundos já havia subido comparado ao mês anterior. Para o presidente da Fecomércio MS (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Mato Grosso do […]

Arquivo Publicado em 15/12/2010, às 20h59

None

No mês de novembro a emissão de cheques sem fundos em Mato Grosso do Sul aumentou 12% comparado a outubro, quando o volume de lâminas devolvidas por falta de fundos já havia subido comparado ao mês anterior.

Para o presidente da Fecomércio MS (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Mato Grosso do Sul), Edison Araújo, o aumento ocorre também porque a movimentação do comércio já estava mais aquecida no mês de véspera do Natal, mas mantém o alerta para que os comerciantes tenham cautela no recebimento de cheques.

“Sabemos que hoje a maioria dos consumidores já compra com cartão. Nossa última pesquisa, referente ao Natal, já mostrava que 72% pretendiam pagar à vista com cartão de crédito, de débito ou dinheiro”, observa.

Os dados do Banco Central apontaram que no mês de novembro foram devolvidos 108,7 mil cheques por falta de fundos em Mato Grosso do Sul, contra 97 mil no mês de outubro. Mas se o número de cheques sem fundos aumentou 12%, o montante do prejuízo cresceu mais, 19%, totalizando desta vez R$ 170,2 milhões. Isso mostra que o valor médio do cheque sem fundo aumentou.

Jornal Midiamax