Geral

Eleições 2010: Agnelo Queiroz é eleito o novo governador do Distrito Federal

O petista Agnelo Queiroz foi eleito neste domingo (31) o novo governador do Distrito Federal, encerrando a “era Roriz”. Com 100% das urnas apuradas, Agnelo tem 66%, quase o dobro da concorrente Weslian Roriz (PSC), que ficou com 33,9%. O petista é o novo governador eleito do DF. Queiroz, ex-ministro do Esporte, assume o Distrito Federal após uma onda de escândalos […]

Arquivo Publicado em 31/10/2010, às 20h09

None

O petista Agnelo Queiroz foi eleito neste domingo (31) o novo governador do Distrito Federal, encerrando a “era Roriz”.


Com 100% das urnas apuradas, Agnelo tem 66%, quase o dobro da concorrente Weslian Roriz (PSC), que ficou com 33,9%. O petista é o novo governador eleito do DF.


Queiroz, ex-ministro do Esporte, assume o Distrito Federal após uma onda de escândalos que atingiu o governo do Distrito Federal.


Sob denúncias de corrupção que envolviam o então governador José Roberto Arruda e deputados distritais, o DF chegou a ser alvo de um pedido de intervenção federal por parte da Procuradoria-Geral da República. Em meio a uma crise política, o Executivo teve quatro governadores diferentes num período de três meses.


Agnelo foi eleito apresentando propostas como criar o bilhete único no transporte coletivo, criar 400 equipes de Saúde da Família e uma Unidade de Pronto Atendimento em cada uma das 30 regiões administrativas do DF e construir pelo menos 100 mil unidades habitacionais.


Na campanha, ele se aliou a Tadeu Filipelli (PMDB), que já participou do governo de Joaquim Roriz – fato amplamente criticado por oposicionistas.


O petista, por sua vez, procurava caracterizar a candidatura de Weslian como um projeto de continuísmo. Nas propagandas eleitorais, ele acusava “o grupo que está no poder há 14 anos” pelos problemas de Brasília na área da saúde.

Jornal Midiamax