Geral

Bombeiros procuram mulher sob escombros de desabamento no Rio

Uma mulher, conhecida como dona Antônia, 44 anos, é procurada pelos bombeiros nos escombros do prédio de três andares que desabou no início da manhã deste sábado na Cidade Nova, centro do Rio de Janeiro. Após abandonar o edifício que ameaça desabar, dona Antônia teria voltado para buscar seus documentos e não teria conseguido sair […]

Arquivo Publicado em 30/10/2010, às 15h49

None

Uma mulher, conhecida como dona Antônia, 44 anos, é procurada pelos bombeiros nos escombros do prédio de três andares que desabou no início da manhã deste sábado na Cidade Nova, centro do Rio de Janeiro. Após abandonar o edifício que ameaça desabar, dona Antônia teria voltado para buscar seus documentos e não teria conseguido sair antes do desabamento.

O Corpo de Bombeiros não descarta que possa haver mais pessoas soterradas, mas Antônia é a única declarada desaparecida. Dos moradores do prédio que estavam desaparecidos, alguns foram resgatados e outros tinham fugido antes do desabamento e ja foram localizados.

“Agora a gente corre contra o tempo. Já são quatro horas de buscas e as chances diminuem”, afirmou o coronel Pedro Machado, comandante geral do Corpo de Bombeiros.

Segundo comandante, as casas ao redor do prédio são edificações antigas, que foram abandonadas e com o tempo foram ocupadas. Ele disse ainda, entre 15 e 20 minutos antes do desabamento, um funcionário da oficina mecânica que funcionava no térreo viu rachaduras abrindo nas paredes e saiu gritando para alertar os moradores. Machado afirmou que, com a ajuda dos moradores, fez um mapeamanto do local para ajudar no resgate.

Pelo menos 3 pessoas morreram em um desabamento de um prédio ocorrido na Cidade Nova, no centro do Rio de Janeiro, no início da manhã deste sábado. De acordo com o Corpo de Bombeiros, outras 15 pessoas foram socorridas com ferimentos e levadas para o hospital Souza Aguiar.

Jornal Midiamax