Geral

Presidente eleito da Colômbia afirma que negociará com guerrilha

As mudanças nas declarações do presidente eleito Álvaro Uribe foram bem recebidas pelos formadores de opinião colombianos. O novo presidente declarou que, depois da vitória no primeiro turno com 53% dos votos, buscaria ajuda internacional para dialogar com a guerrilha. Em sua campanha Uribe disse que a condição para o diálogo era o “abandono do […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

As mudanças nas declarações do presidente eleito Álvaro Uribe foram bem recebidas pelos formadores de opinião colombianos. O novo presidente declarou que, depois da vitória no primeiro turno com 53% dos votos, buscaria ajuda internacional para dialogar com a guerrilha. Em sua campanha Uribe disse que a condição para o diálogo era o “abandono do terrorismo e a facilitação do fim das hostilidades” por parte dos grupos armados. O vice-presidente eleito, Francisco Santos, disse que trabalhará pela restauração dos direitos humanos e na luta contra os seqüestros.

Jornal Midiamax