Geral

Homem assassinado na Máxima não participou da tentativa de fuga

Lino Alves da Silva, detento que foi assassinado com golpes de faca no início da noite de hoje no Presídio de Segurança Máxima em Campo Grande, estava na cela 49, Pavilhão 2, com outros 23 presos. O pavilhão abriga presos recém-chegados ao presídio, porém está descartada a ligação do crime de hoje com a tentativa […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Lino Alves da Silva, detento que foi assassinado com golpes de faca no início da noite de hoje no Presídio de Segurança Máxima em Campo Grande, estava na cela 49, Pavilhão 2, com outros 23 presos.

O pavilhão abriga presos recém-chegados ao presídio, porém está descartada a ligação do crime de hoje com a tentativa de fuga ocorrida na madrugada de ontem.

Ainda não foi divulgada pela direção do Presídio a identidade do assassino.

Jornal Midiamax