Custou, mas o São Bernardo conquistou os três pontos, ao vencer o rival Santo André, por 1 a 0, na noite desta segunda-feira, no estádio 1º de Maio, no encerramento da nona rodada do Campeonato Paulista. No clássico do ABC, os donos da casa marcaram o gol da vitória aos 45 minutos do segundo tempo, furando a retranca do rival, que atuou boa parte do jogo com um jogador a menos.

Com o resultado, o São Bernardo chegou a 15 pontos e só não assumiu a liderança porque tem saldo de gols inferior ao líder Novorizontino – 3 a 2. O terceiro colocado é o , que tem 14, porém com um jogo a menos a ser disputado. O lanterna é o Botafogo, com oito.

O Santo André segue como único time do campeonato que ainda não venceu. Em nove jogos, foram quatro empates e cinco derrotas. É lanterna geral, com quatro pontos, um a menos que o Guarani, com cinco, e dois que o Ituano, 14º colocado, com seis. Estes clubes lutam contra o rebaixamento à Série A2.

O clássico começou aberto. Os dois times souberam explorar os espaços e finalizaram a gol, porém nenhuma que pudesse gerar dificuldade aos goleiros. Aos 23, o panorama da partida mudou. Júnior Caiçara – que voltou de expulsão – levou outro cartão vermelho direto, ao dar uma forte solada em Davi Gabriel.

Com um a mais, os donos da casa tomaram conta da partida. Mesmo com espaço para criar, esbarrou na defesa visitante, que se fechou totalmente na linha defensiva e pouco se expôs para o contra-ataque. Apesar da blitz, o placar permaneceu zerado no ABC.

A pausa no vestiário deu tempo para o Santo André se organizar. Se aproveitando dos contra-ataques, Dudu Vieira perdeu uma grande chance, na marca do pênalti. A resposta do São Bernardo foi imediata. Vitor Ricardo recebeu na área e Luiz Daniel espalmou. Na sequência, João Carlos cabeceou e o goleiro fez outra grande defesa.

O que se esperava de um segundo tempo animado, foi perdendo a intensidade aos poucos. O Santo André voltou a se preocupar e se abdicou de jogar. De tanto pressionar, já aos 45 minutos, o zagueiro Hélder permaneceu na área e cabeceou para marcar. Ainda deu tempo de Alex Alves salvar os donos da casa, ao defender o cabeceio de Enzo, aos 48.

Na próxima rodada, o São Bernardo o Santos, às 11 horas, no domingo, no Morumbis. No sábado, o Santo André recebe a Inter de Limeira, às 18 horas, no Bruno José Daniel.

FICHA TÉCNICA

SÃO BERNARDO 1 X 0 SANTO ANDRÉ

SÃO BERNARDO – Alex Alves; Vitor Ricardo (Hugo Sanches), Hélder, Alan Santos (Vitinho Mesquita), Rafael Forster e Davi Gabriel; Lucas Lima e Romisson; Lucas Tocantins, Kayke (Matheus Régis) e Luiz Felipe (João Carlos) (Matheus Martins). Técnico: Márcio Zanardi.

SANTO ANDRÉ – Luiz Daniel; Júnior Caiçara, João Victor, Afonso e Igor Fernandes; Wellington Reis (Sousa), Geovane e Dudu Vieira (Zé Mateus); Bruno Michel (Léo Passos), Lohan (David) e Richard (Enzo). Técnico: Márcio Fernandes.

GOL – Hélder, aos 45 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Alan Santos e Kayke (São Bernardo); Dudu Vieira e David (Santo André).

CARTÃO VERMELHO – Júnior Caiçara (Santo André).

ÁRBITRO – Fabriano Monteiro dos Santos (SP).

RENDA – 32.250,00

PÚBLICO – 1.057 torcedores

LOCAL – Estádio 1º de Maio, em São Bernardo do Campo (SP).