O Costa Rica foi ao futebol mineiro para buscar o novo treinador para substituir Rodrigo Cascca, que deixou o clube após a eliminação na Copa do Brasil e a campanha instável no Estadual. O clube utilizou as redes sociais, nesta sexta-feira (1º), para anunciar a contratação de Gian Rodrigues, ex-técnico do Democrata-MG.

O novo treinador do CREC tem 52 anos e começou a temporada comandando o time de Governador Valadares. Ele deixou o clube mineiro na última segunda-feira (26), após uma sequência de três derrotas. Além do último time, o técnico passou também por outros times mineiros, como a Caldense e Patrocinense.

Segundo nota do clube, Gian ainda não comanda o time na partida contra o Operário, no próximo domingo (3), pela 9ª rodada da primeira fase do Campeonato Sul-Mato-Grossense.

“A partir de segunda-feira, o novo comandante se junta ao elenco e dá início aos trabalhos ao lado de algumas peças que irão reforçar o nosso time. Desejamos sucesso e que sua passagem seja repleta de conquistas”, diz a postagem.

Com dez pontos em seis jogos, o Costa Rica está na terceira posição do Grupo A. A liderança é do Operário com 14 pontos, também em seis jogos, e a Portuguesa está na segunda posição, com 12 pontos em sete jogos.

Pedido de demissão

O técnico Rodrigo Cascca deixou o comando do Costa Rica na sexta-feira (23), após reunião com a diretoria do clube. A saída aconteceu após a eliminação do CREC da Copa do Brasil e uma campanha irregular no Campeonato Estadual.

O Costa Rica perdeu para o América de Natal no dia 21 de fevereiro pela Copa do Brasil. Como tem menor pontuação do RNC (Ranking Nacional de Clubes) da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), o CREC tinha a vantagem de jogar em casa, mas precisava vencer.

Além disso, o CREC tinha entregado menos que o esperado no Sul-mato-grossense. Com cinco jogos, o Costa Rica perdeu para o Operário e para o Coxim em casa.