O treinador da Seleção Brasileira, Fernando Diniz, lamentou o resultado de 1 a 0 para a Argentina na noite desta terça-feira (21), no Maracanã, pela sexta rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2026.

“Se considerar a rivalidade, a Argentina em um momento de muita confiança, time campeão do mundo há menos de um ano, a gente com um time bastante mexido. Acho que se a gente considerar todas as variáveis. Se não foi o melhor, foi um dos melhores jogos”, refletiu o técnico.

O Brasil criou algumas oportunidades de gol ao longo da partida, mas não aproveitou as chances. Diniz reforçou que, apesar do revés, a equipe teve um dos melhores desempenhos sob seu comando.

“(Foi um) jogo de dois times tradicionais, muito fortes. A gente teve um número de finalizações parecido, mas o Brasil levou muito mais perigo do que a Argentina. O resultado, eu achei bastante injusto hoje”, disse.

O meio-campista Raphael Veiga também lamentou o revés sofrido para a Argentina. “Partindo do princípio de que futebol é resultado, e a gente não está conseguindo os resultados, a gente tem que entender que precisa melhorar algumas coisas”, afirmou.

Ele disse que aproveitar melhor as chances criadas é o principal ponto a ser aprimorado pela equipe.

“Desde o primeiro jogo do Diniz, a gente vem numa crescente. Na minha opinião, hoje a Argentina não merecia a vitória por conta de tudo aquilo que a gente produziu. Eles não produziram tanto, foram efetivos. A gente precisa melhorar nisso para conseguir ganhar os jogos”, opinou Veiga.