Neymar está operado. Assim, o jogador do Al-Hilal e da seleção brasileira agora inicia seu processo de recuperação para o retorno aos gramados em, aproximadamente, dez meses. O craque se machucou no duelo com o , em 17 de outubro. Na ocasião, o time de Fernando Diniz perdeu por 2 a 0 em partida válida pelas 2026.

O procedimento demorou cerca de quatro horas e foi um sucesso. Médico do Atlético-MG e da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar foi o responsável pela cirurgia. Ele já operou o camisa 10 em outras ocasiões, também em , no hospital Mater Dei.

Para isso, entrou com um pedido junto ao Al Hilal para fazer o procedimento no Brasil e o clube árabe aceitou a solicitação.

Neymar se machucou em uma disputa no meio-campo ainda no primeiro tempo do embate com o Uruguai. Então, sofreu lesões no ligamento cruzado anterior e meniscos do joelho esquerdo e teve de sair de campo de maca. Dessa forma, com a cirurgia realizada nesta quinta-feira, o astro tem previsão de retorno aos gramados em torno de dez meses –aproximadamente no segundo semestre do ano que vem.

Contrato a peso de ouro, Neymar marcou 1 gol no Al-Hilal

O atacante de 31 anos chegou a peso de ouro pelo Al Hilal em 15 de agosto, contratado junto ao Paris Saint-Germain.

Além dos valores exorbitantes, o contrato de Neymar também prevê privilégios como mansão com empregados, diversos bônus e a presença da namorada na Arábia Saudita.

Contudo, o ano de 2023 não é muito bom para o astro que, em fevereiro, ficou cinco meses em recuperação por causa de uma lesão no tornozelo.

Principal nome do Al-Hilal para esta temporada, Neymar entrou em campo apenas cinco vezes pelo novo clube e marcou um gol.