As jogadoras da seleção brasileira feminina se apresentaram para os últimos amistosos do ano nesta segunda-feira, em um hotel de . Estrela do conjunto de Arthur Elias, Marta chegou junta com a atacante Debinha e bastante brincalhona. O clima era de descontração entre todas as atletas.

“Ela combinou de chegar no mesmo horário que eu. Estão sabendo disso? Me ligou e perguntou: ‘Marta, vai chegar que horas?’ E chegamos juntas”, se divertiu Marta, arrancando sorrisos do camisa 9. Ambas esperam atuar lado a lado desde o início já contra as japonesas.

Serão três amistosos em São Paulo. Na quinta-feira e no domingo o rival será o Japão, na Neo química Arena (15h15) e no Morumbi (11 horas), respectivamente. A seleção brasileira fecha a temporada diante da Nicarágua, dia 6, na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, às 18 horas.

Foram muitos abraços e votos de boas-vindas. Campeãs do Paulistão no domingo, em cima do rival São Paulo, as jogadoras do (seis ao todo) eram só alegria. Gabi Portilho chegou um pouco mais tímida, enquanto Yasmim estava mais falante e Lelê toda estilosa. Experiente, a lateral Tamires trouxe até um violão para alegrar o ambiente.

Chamada nos primeiros treinos e amistosos com Arthur Elias, Cristiane foi ausência para o técnico, que quer “observar” novas atletas, caso de Priscila, artilheira do Internacional. Gabi Nunes celebrou mais uma vez estar com a seleção, enquanto a ex-palmeirense Ary Borges não poupou beijos e abraços à comissão técnica e demais funcionários da seleção.

Lesionada, a meia Ana Vitória, do Saint-Germain, se tornou desfalque de última hora. Para seu lugar foi chamada a são-paulina Aline Milene. No domingo, Arthur Elias esteve na Neo Química Arena vendo-a. A decisão estadual registrou 40 mil pagantes e a seleção espera repetir um grande público novamente, Os ingressos custam entre R$ 20 e R$ 40 a inteira.

Saiba Mais