Outra grande promessa dos gramados, que foi lançada pelo Flamengo, como Vini Junior, pode estar despontando também para o futebol mundial. É o meia-atacante Lorran, de apenas 17 anos, que disputou apenas quatro partidas como profissional, mas já é visto como “a nova menina dos olhos” de alguns dos clubes mais poderosos do planeta.

Loran, que vem da base flamenguista, é um meia-atacante canhoto e atua principalmente pela faixa central do campo, posicionado logo atrás de um centroavante.

De acordo com a reportagem do Uol, durante a última semana, diferentes veículos da imprensa europeia e, também, o conceituado jornalista italiano Fabrizio Romano noticiaram que Barcelona, Real Madrid, Chelsea e Manchester United estão acompanhando de perto o desenvolvimento da jovem promessa.

Multa milionária

Ainda de acordo com Uol, nem a multa rescisória de 50 milhões de euros (R$ 265,8 milhões) prevista no contrato pode impedir uma possível negociação do jogador. Pelo contrário, pagar o valor por um jovem atleta, que ainda não estourou, já não é mais considerado um “absurdo” pelas equipes acostumadas a investirem muitos milhões de dólares.

Caso o Flamengo realmente venda Lorran pelo valor da cláusula de rompimento de vínculo, o jovem se transformará na maior transferência já realizada pelo clube carioca. Atualmente, o recorde pertence a Vini Jr., que foi para o Real Madrid em um negócio de 45 milhões de euros (R$ 240 milhões, na cotação atual