O Guarani é o primeiro classificado para as semifinais da Taça Independência, que substituiu o Troféu do Interior. Na noite desta sexta-feira, em jogo único, o time campineiro não teve vida fácil, mas venceu a Portuguesa, pelo placar de 2 a 1, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa e avançou as semifinais.

Depois de Bruninho abrir o placar, Naldo deixou tudo igual, mas no final da partida, Diogo Mateus de falta, deu a vitória ao Guarani. Apesar de não valer mais a classificação à do Brasil, o torneio tem premiação financeira importante: R$ 400 mil.

Esta primeira fase, decidida em jogo único, também terá o duelo entre Santo André e Inter de Limeira no sábado à tarde. O Guarani e o clube vencedor deste duelo, além do time com melhor campanha entre os eliminados das quartas avançam às semifinais. O Mirassol já está classificado às semifinais por ter feito a melhor campanha na primeira fase, excluindo os classificados às quartas de final.

Mesmo jogando fora de casa, quem começou tomando as primeiras ações ofensivas do duelo foi a Portuguesa. Logo no primeiro lance, Daniel Costa chutou uma bola cheia de veneno e obrigou Tony a se esticar inteiro para fazer a defesa. Mas, apesar de ter demorado, a resposta do Guarani veio com bola na rede.

Aos 26 minutos, Isaque lançou Bruninho na área, que se livrou do marcador e mandou um chute forte para o fundo das redes, sem chances para o goleiro Thomazella, que só olhou a bola entrar. Nos minutos finais, o duelo seguiu movimentado, mas o Guarani foi para o intervalo em vantagem.

Na volta para o segundo tempo, a Portuguesa se mandou para o tudo ou nada e conseguiu empatar aos oito minutos. Depois de um escanteio cobrado na área, Naldo apareceu entre os marcadores para testar para o gol, deixando tudo igual. Com o resultado, a decisão da vaga iria para os pênaltis e por isso, as duas equipes se mandaram ao ataque.

Mas, foi o Guarani que foi coroado com o gol da vitória após a insistência. Aos 32 minutos, Diogo Mateus bateu falta com categoria e venceu Thomazella, que até se esticou inteiro, mas não conseguiu evitar o gol. Depois disso, a Portuguesa ainda tentou o empate, mas sem sucesso.

FICHA TÉCNICA

GUARANI 2 X 1 PORTUGUESA

GUARANI – Tony; Alvariño (Diogo Mateus), Lucão, Alan e Jemerson; Wenderson (Matheus Barbosa), Richard Rios, Bruninho (Rafael), Giovanni Augusto e Isaque (Lima); Jenison (Bruno Mendes). Técnico: Moisés Moura.

PORTUGUESA – Thomazella; (João Victor), Robson (Madison), Patrick, Bruno Leandro e Fabiano; Naldo (Igor Bahia), Tauã (Lucas Nathan) e Daniel Costa; Richard e Gustavo Ramos (Paraizo) Técnico: Gilson Kleina.

GOLS – Bruninho, aos 26 minutos, do primeiro tempo, e Naldo, aos oito, e Diogo Mateus, aos 32 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Guilherme Nunes de Santana.

CARTÕES AMARELOS – Diogo Mateus e Richard Rios (Guarani). Bruno Leonardo, Madison e Tauã (Portuguesa).

RENDA – R$ 43.880,00.

PÚBLICO – 2.425 pagantes.

LOCAL – Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP).

Saiba Mais