O Operário precisava da vitória para garantir a vaga

O Operário venceu o Sete de Setembro por 2 a 1 em partida disputada pelo Campeonato Sul-Matogrossense na noite desta terça-feira (02) no estádio Morenão em Campo Grande.Com o resultado, o Galo fica na terceira colocação do estadual e conquista uma vaga para  a disputar a Copa Verde ano que vem.

Quem abriu o placar foi o alvinegro com o zagueiro Bruno Everton antes dos 10 minutos do primeiro tempo. O Sete empatou aos 20 minutos da primeira etapa com Daniel e Rodrigo Gral deu a vitória ao time da casa com um chute de longa distância aos 35 da última etapa. Aos 15 minutos, o centroavante já havia marcado de cabeça, porém o gol foi anulado pelo assistente que deu impedimento.

O Operário precisava da vitória para garantir a vaga, já que perdeu o jogo de ida por 3 a 2 em Dourados no último sábado (29).

Caso Eduardo Arroz

No mesmo dia em que conseguiu a vaga para o torneio nacional, o Galo não foi punido por escalar o meio campista Eduardo Arroz. Arroz deveria ter cumprido dois jogos de suspensão no início do campeonato, após ter sido expulso na última partida em que fez pelo Sete pelo estadual do ano passado.

O TJD-MS (Tribunal de Justiça Desportiva de Mato Grosso do Sul) decidiu que somente o jogador deverá se penalizado com a suspensão dos dois jogos e, por isso, o atleta não foi relacionado para a partida desta terça.

A isenção do Operário, segundo o TJD-MS, foi pelo fato da denúncia feita pelo Comercial, Corumbaense e Urso de Mundo Novo, ter prescrevido, já que o pedido de punição deveria ter feito em até 60 dias, contados a partir da primeira partida em que o jogador fez no dia primeiro de fevereiro, quando o Galo venceu o ABC por 4 a 0 no Morenão.