Esportes

Judoca encerra revezamento da tocha em Dourados

 Acendimento da pira olímpica

Diego Alves Publicado em 27/06/2016, às 01h27

None
640x427x4-57707bc904d4012b56ea0ae606dcb5425e878ee7d80b8.jpg

 Acendimento da pira olímpica

O revezamento da tocha olímpica em Dourados, cidade a 220 quilômetros de Campo Grande, foi encerrado pela judoca Camila Gebara por volta das 20h15 da noite deste domingo (26), na praça Antônio João, quando houve o acendimento simbólico da pira olímpica.

De acordo com o site Dourados Agora, milhares de pessoas acompanharam o desfecho do revezamento da chama, que passou pelas mãos de 81 pessoas, num percurso de 16km, entre bairros e área central de Dourados.

Camila disse ser um orgulho carregar a tocha. "Estou representante as mulheres e o judô", disse bastante emocionada.

Além da atleta, o prefeito Murilo Zauith fez um breve discurso. Em meio a vaias, ele destacou o espírito esportivo que o país passa. "É um momento de festa, de alegria", falou o prefeito.

Protesto

Vários manifestantes estiveram na praça, como os professores da rede municipal de educação em greve e sitiantes que tiveram as propriedades invadidas por indígenas. Várias pessoas também protestaram contra a classe política local e contra o governo do presidente Temer.

Jornal Midiamax