Esportes

Técnico vice na Copa-94 diz que base da Itália “tem muitos negros”

Arrigo Sacchi ainda criticou o fato de ter clubes italianos que contam com mais de 15 jogadores estrangeiros

Diego Alves Publicado em 17/02/2015, às 00h33

None

Arrigo Sacchi ainda criticou o fato de ter clubes italianos que contam com mais de 15 jogadores estrangeiros

Técnico da seleção italiana na Copa de 1994, Arrigo Sacchi falou sobre a crise no futebol italiano e fez um comentário polêmico. Segundo o ex-treinador, os estrangeiros das categorias de base são causas do momento ruim vivido.

“A Itália é, agora, sem dignidade ou orgulho porque tem muitos estrangeiros que jogam também em nossos times das categorias de base, em nossos setores juvenis existem muitos negros”, falou.

“Eu não sou racista e, certamente, se ver minha história de treinador, você vê jogadores como Rijkaard, mas, se olhar para o torneio de Viareggio, eu diria que têm muitos jogadores negros nos nossos times de base”, completou.

Arrigo Sacchi ainda criticou o fato de ter clubes italianos que contam com mais de 15 jogadores estrangeiros.

Jornal Midiamax