O TRF3 (Tribunal Regional Federal 3ª região) deve anunciar em breve seu novo concurso público, com vagas para os estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul. Isso porquê nesta sexta-feira (12), o presidente do TRF3, desembargador federal Carlos Muta, despachou a escolha da FCC (Fundação Carlos Chagas), que apresentou melhor proposta diante de três concorrentes: FGV (Fundação Getúlio Vargas), Fundação Vunesp e Cebraspe.

O contrato com a FCC deve ser assinado nos próximos dias. Com isso, o edital de um novo concurso público para os cargos de técnico e analista judiciário poderá ser divulgado a qualquer momento.

O TRF3 tem concurso vigente até dezembro de 2024 porém, segundo o órgão, algumas listas de candidatos já estão próximas de esgotar. O fato de ainda possuir concurso vigente também não impede a publicação de novo edital.

De acordo com o despacho do presidente, a nova seleção da área de Apoio será para formação de cadastro de reserva nos cargos de Técnico Judiciário – área Administrativa e Analista Judiciário – área Judiciária. Ambos tem como requisito a formação de nível superior.

Os salários para tais cargos são, atualmente, de R$ R$8.529,64 para técnico judiciário e de R$ R$13.994,76 para analista judiciário. Os servidores também têm direito a uma série de benefícios, como o auxílio-alimentação, assistência pré-escolar e assistência médica e odontológica.