Cotidiano / Emprego & Concurso

Inscrições abertas para novo edital do FIC 2014

A Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul publicou no dia 26 de maio, no Diário Oficial, o Edital de segundo semestre do FIC/MS (Fundo de Investimentos Culturais), que vai aplicar R$ 2 milhões em projetos culturais de todas as regiões do Estado. As inscrições podem ser encaminhadas até o dia 11 de julho. O […]

Arquivo Publicado em 21/06/2014, às 11h29

None

A Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul publicou no dia 26 de maio, no Diário Oficial, o Edital de segundo semestre do FIC/MS (Fundo de Investimentos Culturais), que vai aplicar R$ 2 milhões em projetos culturais de todas as regiões do Estado. As inscrições podem ser encaminhadas até o dia 11 de julho.

O segundo edital do FIC de 2014 eleva em 67% os investimentos feitos pelo governo do Estado em 2013, quando foram aplicados R$ 3 milhões em projetos culturais. Desta vez, somados os dois editais deste ano, serão investidos R$ 5 milhões na cultura e na arte sul-mato-grossense.

“A ampliação do investimento na produção e formação cultural pelo governo do Estado garante aos produtores culturais novas possibilidades para a realização de seus projetos e consequentemente ainda mais acesso da população ao rico trabalho feito por artistas sul-mato-grossenses”, analisa Américo Calheiros, presidente da Fundação de Cultura.

O objetivo do Fundo de Investimentos Culturais é contemplar a produção cultural sul-mato-grossense em suas mais diversas manifestações, priorizando a circulação por todas as regiões do Estado como forma de ampliar o acesso do público e estimular a formação de novas plateias.

Segundo o gerente do FIC, Edilson Aspet, o fundo abre um leque de oportunidades para que a sociedade civil possa realizar seus projetos culturais: “Com os recursos do FIC podemos investir mais na cultura local, dando oportunidades para que os artistas e produtores culturais do Estado possam efetivar a participação dos 78 municípios com eventos e produtos culturais patrocinados pelo governo”.

Em dezembro último o governo do Estado publicou o primeiro edital do FIC 2014, que habilitou 80 projetos dentre 237 inscritos. Foram aplicados R$ 3 milhões em projetos oriundos de 20 municípios, mas que contemplam indiretamente todas as regiões.

Em 2013, também em duas etapas, o Fundo aplicou R$ 3 milhões na produção cultural sul-mato-grossense, que por sua vez já foi o dobro do que foi investido em 2012. Na primeira etapa, no início do ano, destinou R$ 2 milhões a 67 projetos aprovados. No segundo edital foram contempladas 40 ações com investimentos de R$ 1 milhão. Um aumento significativo e constante que marca o sucesso do FIC no financiamento cultural nos últimos anos.

“O FIC foi reativado em 2008 após ficar quatro anos paralisado. Com as atividades aprovadas no primeiro edital de 2014 chegamos aos 350 projetos beneficiados. Suas ações se estenderam por todo o Estado, atingindo nossas metas: garantir o acesso e democratizar a circulação de bens culturais em todas as áreas”, finaliza Américo Calheiros, presidente da Fundação de Cultura.

Serviço

O edital de inscrições do Fundo de Investimentos Culturais está disponível no Diário Oficial do Estado e na página da Fundação de Cultura.

Jornal Midiamax