O vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria, e Serviços, Geraldo Alckmin, afirmou nesta segunda-feira, 13, que a reforma tributária aumentará a dos municípios com os ganhos de eficiência que trará ao País. As declaração foi feita durante o coquetel de encerramento do primeiro dia da 84ª Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), que ocorre em hoje e amanhã.

“Sei da preocupação da reforma tributária, não é para tirar dinheiro de ninguém, mas reduzir custos. Podem ter certeza que a arrecadação vai crescer para os municípios com reforma tributária”, disse.

Segundo Alckmin, o governo está empenhado em melhorar o ambiente de negócios e reduzir o custo Brasil.

Mais cedo, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, participou do evento mais cedo e defendeu a reforma tributária com a unificação de tributos por meio de um Imposto sobre Valor Agregado (IVA).