Cotidiano / Economia

Mais de 129 mil sul-mato-grossenses já declararam imposto de renda em MS

A Receita Federal em Mato Grosso do Sul já recebeu 129.398 declarações do IRPF (Imposto de Renda da Pessoa Física)  2021, ano-base 2020, até esta quarta-feira (31). A estimativa é que 470 mil contribuintes prestem contas até o final de abril. De acordo com a Receita, o volume recebido nesses 30 dias representa aumento de […]

Fábio Oruê Publicado em 31/03/2021, às 15h30

Contribuinte tem até o dia 30 de abril para declarar o Imposto de Renda. (Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)
Contribuinte tem até o dia 30 de abril para declarar o Imposto de Renda. (Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil) - Contribuinte tem até o dia 30 de abril para declarar o Imposto de Renda. (Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)

A Receita Federal em Mato Grosso do Sul já recebeu 129.398 declarações do IRPF (Imposto de Renda da Pessoa Física)  2021, ano-base 2020, até esta quarta-feira (31). A estimativa é que 470 mil contribuintes prestem contas até o final de abril.

De acordo com a Receita, o volume recebido nesses 30 dias representa aumento de 5,6% em relação ao mesmo período do ano passado, quando 122.459 pessoas haviam declarado. Em todo o país, foram entregues 9,65 milhões de documentos contra 8,77 milhões no ano passado, crescimento de 9,8%.

O aumento no número de declarações encaminhadas à Receita do Estado, nesse primeiro mês do prazo, foi puxado pelos contribuintes de Três Lagoas e Ponta Porã, de 15% e 9,62%, respectivamente.

Os contribuintes que receberam rendimentos tributáveis superiores a R$ 22.847,76 em 2020, além do auxílio emergencial, terão que devolver o benefício, por meio do Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf).

O delegado da Receita Federal em Campo Grande, Edson Ishikawa, explica que o órgão tem procurado orientar contadores e até mesmo a população por meio de palestras online sobre as novidades de 2021.

“Temos realizado lives em conjunto com os órgãos contábeis do Estado para que não fique nenhuma dúvida e todos possam fazer a declaração a tempo, sem a correria dos últimos dias”, diz.

O prazo de entrega termina em 30 de abril, às 23h (horário de MS). Quem perder o prazo pagará multa mínima de R$ 165,74 e máxima de 20% do valor do imposto devido.

Jornal Midiamax