Cotidiano / Economia

Preço do petróleo cai abaixo de US$ 47 nos EUA

Preços atingem novas mínimas de quase seis anos.

Clayton Neves Publicado em 12/01/2015, às 20h32

None
plataforma.jpg

Preços atingem novas mínimas de quase seis anos.

Os preços do petróleo voltaram a cair nesta segunda-feira (12), com o Brent  (referência internacional) caindo abaixo de US$ 48 por barril após o banco Goldman Sachs reduzir suas revisões de curto prazo e com produtores do Golfo sem dar sinais de corte de produção.

Tanto o Brent quanto o petróleo nos EUA estão nos menores patamares em quase seis anos. Na sexta-feira, fecharam a sétima semana seguida de perdas, em meio a uma crescente oferta global.

Por volta das 15h (horário de Brasília), o contrato do Brent para entrega em fevereiro recuava 5% em Londres, a US$ 47,6 por barril. No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril caía 3,68%, negociado a US$ 46,58, abrindo em seu nível mais baixo desde março de 2009.

O Goldman Sachs reduziu a projeção para o Brent em 2015 para US$ 50,40 e para o petróleo norte-americano a US$ 47,15 dólares.

O preço do petróleo está há vários meses em queda e os preços despencaram desde novembro passado, diante do excesso de oferta e da recusa dos países produtores em reduzir suas exportações de petróleo.

As negociações do preço da commodity em Nova York (WTI) e Londres (Brent) são as referências mundiais. O petróleo WTI costuma ser um pouco mais caro do que o Brent, refletindo a qualidade do produto e o custo de refino e transporte.

Jornal Midiamax