O ministro da , Rui Costa, afirmou nesta terça-feira, 14, que a Pasta ainda não recebeu detalhamento do programa “Voa Brasil”, anunciado esta semana pelo ministro de Portos e Aeroportos, Márcio França. “Nós ainda não recepcionamos o detalhamento desse programa e haverá o momento de ter essa reunião”, disse, após reunião ministerial convocada pelo presidente da República, Luiz Inácio da Silva.

De acordo com Costa, a orientação do chefe do Executivo é de que programas e anúncios sejam do governo, e não de ministérios.

Durante a reunião desta terça-feira, Lula disse que ninguém pode anunciar “absolutamente nada” sem passar pelo crivo da Casa Civil.

Ele afirmou que “qualquer genialidade” que alguém possa ter deve ser anunciada à pasta comandada por Costa, para que o tema seja discutido com a Presidência. “Para que a gente possa chamar o autor da genialidade”, ironizou.

Como mostrou o Broadcast Político (sistema de em tempo real do Grupo Estado), a “bronca” de Lula aos ministros foi vista por pessoas como um recado a Márcio França, que anunciou nesta semana o “Voa Brasil”, formatado para que um público específico, com renda de até R$ 6,8 mil, possa comprar passagens aéreas por R$ 200. Servidores, aposentados e pensionistas, além de estudantes com Fies, poderiam ser contemplados pela política.

Saiba Mais