A Azul Linhas Aéreas cancelou mais um voo e 16 passageiros tiveram que viajar de van para Campinas (SP), nesta quinta-feira (5). Trata-se do voo 4285 que deveria decolar às 19h55 do Aeroporto Internacional de com destino ao Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas.

De acordo com um passageiro que prefere não se identificar, a empresa alegou que o voo foi cancelado pelo fato de problemas técnicos na aeronave em questão. “Aeronave quebrou em Campinas”. Para quem não quis seguir a viagem de van, foi prometido vaga em outro voo para depois da próxima quarta-feira (11), por não ter vagas antes da data.

“Aqui no aeroporto, tumulto por conta de atrasos da Azul. Tem gente que casa amanhã (sexta-feira (06) para você ter noção. Pessoal muito insatisfeito aqui. Nós faremos uma ação coletiva depois, mas, neste momento estamos indo de van, pois é a única saída nossa. Nos teríamos voo somente depois do dia 11. que é certeza. caso contrário ficaríamos na fila de espera. Está todo mundo p… aqui, imagina você contente, pagando um voo de uma hora e meia, agora passar 14, 15 horas dentro de uma van. Está todo mundo “contente”, tem cara que tinha que estar 11 horas no cartório, lá em Indaiatuba. Na van tem pessoas de idade, imagina uma situação dessa, mas, se sujeita a isso né? Tem que chegar no destino final”, disse o passageiro.

Voo 4361 também cancelado

Passageiros embarcariam na madrugada desta quinta-feira (5), em Campo Grande, com destino a Viracopocos, também tiveram o voo cancelado durante o embarque. A empresa então ofereceu passagem para o próximo dia 10.

“Cheguei no Aeroporto às 1h e o embarque seria às 1h50, estávamos todos na área de embarque quando às 2h10 disseram que o voo foi cancelado e teríamos que remarcar”, disse um dos passageiros.

Mais cedo, em nota, a Azul informou problemas técnicos:

“A companhia destaca que os Clientes estão recebendo toda a assistência necessária, conforme prevê a Resolução 400 da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), e estão sendo reacomodados em outros voos, que serão realizados em uma aeronave com maior capacidade, e também disponibilizou via terrestre para Campinas. A Azul lamenta eventuais transtornos causados aos Clientes e ressalta que medidas como essas são necessárias para conferir a segurança de suas operações”.