Com aumento da Petrobras, preço da gasolina deve chegar a R$ 7,10 em Campo Grande a partir de sábado

Preço do litro do diesel deve superar a gasolina e chegar a R$ 7,32 na Capital
| 17/06/2022
- 14:18
gasolina
(Foto: Leonardo de França/Jornal Midiamax)

O anúncio de reajuste de 5,2% na gasolina e de 14,2% no óleo diesel, feito nesta sexta-feira (17) pela Petrobras, deve refletir em aumento médio de R$ 0,20 e de R$ 0,70, respectivamente, nas bombas de combustível em Mato Grosso do Sul.

Dessa forma, considerando o preço médio de R$ 6,904 em Campo Grande na última semana, segundo pesquisa da ANP, o combustível pode chegar a preço médio de R$ 7,104. Já o óleo diesel, que custou R$ 6,623 o litro no mesmo período, deve alcançar R$ 7,323 por litro, superando o preço da .

Diretor-executivo do Sinpetro-MS (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo e Lubrificantes de Ms), Edson Lazarotto, destacou ao Jornal Midiamax a estimativa de aumento, mas observou que cada revendedor e região, devido a custos como frete, podem ter variações distintas, para mais ou para menos.

O aumento anunciado é esperado para este sábado (18), o que pode ocasionar filas e grande procura por combustível a preço antigo, aos moldes do que ocorreu no início do ano, em Campo Grande. Contudo, de acordo com Lazarotto, há possibilidade de que o reflexo real nas bombas seja percebido no início da próxima semana.

"De acordo com a Petrobras e a partir de amanhã, mas como o revendedor tem opção de livre mercado, temos que aguardar a partir de amanhã o reflexo real nas bombas", ressaltou.

Aumento anunciado

No último dia 15, o presidente da República, Jair Bolsonaro, já havia adiantado que a Petrobras está "dando dica de que quer aumentar os combustíveis de novo".

"Não interessa quanto seja o aumento, já está absurdo o preço dos combustíveis", declarou em entrevista ao canal no YouTube da jornalista Leda Nagle.

Na ocasião, analistas de mercado especularam que reunião entre a cúpula do governo e a diretoria da estatal na última segunda-feira (13) teria determinado que a gasolina subisse em 9% nas refinarias e o diesel em 11%, a fim de amenizar defasagem de preços com o mercado internacional.

Impacto

Além do preço nas bombas em postos, alta de combustíveis, sobretudo gasolina e diesel, tem influência direta na , em índices como o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) e o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), a partir do qual o aumento do custo de vida é mensurado. Isso porque a logística de distribuição de itens que vão da cesta básica a medicamentos é feita por via terrestre, por veículos que utilizam esses combustíveis, principalmente o diesel.

No último mês de maio, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), os índices INPC e IPCA foram medidos, em Campo Grande, em 0,17% e 0,27%, respectivamente. No caso do IPCA, foi registrada queda de 0,94% em relação ao mês anterior e inflação acumulada em um ano no índice de 12,07%. Mas, foi justamente o combustível que mais pesou nos orçamentos domésticos.

Mais barata

Neste sábado (18), Feirão Sem Imposto vai comercializar gasolina a R$ 4,50 em Campo Grande. A iniciativa é encabeçada pelo Conselho de Jovens Empresários da ACICG (Associação Comercial e Industrial de Campo Grande), em parceria com o Grupo Taurus.

“A ideia é conscientizar a população sobre a alta carga tributária paga pelos brasileiros, esclarecendo os impostos incidentes sobre a gasolina, insumo de grande importância na cadeia do consumo de bens e serviços. Nem todos sabem como os impostos influenciam grandemente no preço praticado nos postos de combustíveis”, comenta o presidente do Conselho de Jovens Empresários da Associação Comercial, Willyan Francescon.

Serão comercializados 5 mil litros de gasolina no valor de R$ 4,50 por litro. A ação ocorrerá exclusivamente no Auto Posto Nações Indígenas Taurus, situado na Av. Afonso Pena, nº 7144, bairro Cidade Jardim.

O Feirão Sem Imposto em Campo Grande terá início às 7h, com distribuição de senhas por ordem de chegada. A venda é limitada, cada motorista terá direito a 20 litros, totalizando R$ 90,00. Só será aceito pagamento em dinheiro. No total, cerca de 250 veículos devem ser beneficiados.

Veja também

Petrobras anunciou nova redução que pode deixar combustível no patamar de janeiro de 2021

Últimas notícias