Cotidiano / Consumidor

Consumidor de última hora paga menos, mas enfrenta falta de opções de ovos de páscoa

Ovos de numeração maior, que custavam mais de R$ 50,00, baixaram os preços e animou o consumidor a levar o chocolate para casa. Desconto de quase 40% em alguns produtos foi a tática utilizada pelo comércio para acabar com o estoque. Apesar de melhores preços, a oferta de marcas e tipos de produtos também caiu. […]

Arquivo Publicado em 31/03/2013, às 14h58

None
1556119177.jpg

Ovos de numeração maior, que custavam mais de R$ 50,00, baixaram os preços e animou o consumidor a levar o chocolate para casa. Desconto de quase 40% em alguns produtos foi a tática utilizada pelo comércio para acabar com o estoque. Apesar de melhores preços, a oferta de marcas e tipos de produtos também caiu. E quem deixou para última hora teve que se contentar com o que havia na prateleira.

Ederson Lopes Marques, 27 anos, e a namorada, Carla da Costa, 24 anos, contam que há anos compram os ovos no domingo de páscoa. A prática tem apenas um motivo: economia. Ele confirma que há bem menos oferta de produtos, mas os preços mais baixos, para ele, compensam a falta de opção.

A coordenadora de operação, Ana Carolina Miranda, 26 anos, também não se incomodou com a falta de variedade. Ao contrário, ela conta que sempre comprou os ovos com antecedência e preferiu deixar para última hora e aproveitar as promoções. “Têm ovos que diminuíram muito o preço. Agora dá para comprar para toda a família chocolates com qualidade superior”, diz.

Outra consumidora, Mari Delmondes, 45 anos, psicóloga, discorda. Ela conta que comprou os ovos antes, mas esqueceu de alguns parentes. Para não deixar ninguém magoado voltou às compras neste domingo. A falta de opção e os descontos não a agradaram. “Achei o desconto pequeno e tem poucos produtos”, afirma.

Opções de ovos infantis que vinham com brinquedos já haviam acabado na maioria das prateleiras. Um supermercado da Capital para não perder o cliente entregava o brinde à parte para quem levasse outro ovo.

Ovos especiais, com chocolate meio amargo e lembrancinhas como pingente e porta joais não diminuíram o preço. Mas, quem levasse o mimo para casa ganhava outro ovo numeração 15.

Pesquisa do Procon (Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor) deste ano revela que o preço dos ovos de Páscoa estão 8,41% mais caro em relação a 2012. A análise dos valores foi realizada em oito estabelecimentos e comparou o preço de 247 produtos.

Jornal Midiamax