Procon de Dourados divulga pesquisa sobre preço da carne

O Procon de Dourados divulgou nesta quarta-feira (30) a pesquisa sobre o preço da carne, realizada segunda e terça-feira em 15 estabelecimentos comerciais da cidade. Foram pesquisados carne bovina, suína, aves e ovinos. A diferença encontrada entre o menor e o maior preço praticado nos estabelecimentos chegou a 160,87% no peito de frango. Na pesquisa […]
| 01/12/2011
- 04:14
Procon de Dourados divulga pesquisa sobre preço da carne

O Procon de Dourados divulgou nesta quarta-feira (30) a pesquisa sobre o preço da carne, realizada segunda e terça-feira em 15 estabelecimentos comerciais da

cidade. Foram pesquisados carne bovina, suína, aves e ovinos.

A diferença encontrada entre o menor e o maior preço praticado nos estabelecimentos chegou a 160,87% no peito de frango. Na pesquisa anterior a maior

variação tinha sido de 166,89% no frango congelado.

O preço da coxa e sobre coxa apresentou variação de 150,38%, o lombo suíno de 122,72% e a costela variou 101,79% de um estabelecimento para outro.

A menor variação de preço encontrado na pesquisa entre um estabelecimento e outro foi de 16,20%, na carne de ovinos.

O preço da carne teve aumento de 4,49% em Dourados, em comparação com a pesquisa realizada pelo Procon em agosto deste ano, ficando bem próximo da variação

obtida na outra pesquisa, que foi de 4,6%.

A carne bovina aumentou 4,29%, a de ovinos caiu 2,54%, a de suínos subiu 3,40% e a de aves apresentou a maior alta – 12,79%.

O Procon orienta o consumidor a exigir a retirada de todas as impurezas, sebos e pelancas e observar a cor e o modo de conservação da carne.

Mais informações e reclamações podem ser feitas através do 151 e 3411 7754.

Veja também

Cálculo considera preço médio, mas condutores precisam devem realizar conta em cada posto para constatar se há ou não a vantagem pelo etanol

Últimas notícias