Na Capital, o projeto ‘Um Campo Grande de Mulheres Leitoras’ tem oferecido uma oportunidade de entretenimento, perspectiva de vida e de liberdade por meio da leitura às detentas do EPFIIZ (Estabelecimento Penal Feminino Imã Irma Zorzi). As oficinas começaram na última terça-feira (9) e acontecem até o dia 2 de maio.

Conceição Leite, atriz e contadora de histórias, responsável pela coordenação do projeto, destaca que “para estas mulheres, a literatura não é apenas uma fuga, mas uma ferramenta poderosa de transformação. Queremos abrir suas mentes para um mundo de possibilidades, onde as palavras têm o poder de libertar”.

O projeto é realizado toda terça e quinta-feira. As aulas acontecem no período vespertino, das 13h às 15h, com a participação de 15 detentas. Além da leitura, os encontros contam com dinâmicas e músicas.

Encontros com convidados especiais

Cada um dos encontros conta com a participação de um convidado especial. Na primeira aula, oferecida nesta terça, a professora-doutora da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), Danielle Urt Mansur Bunlai, falou sobre a Literatura Indígena.

Jamille Farias, de 28 anos, é uma das reeducandas ingressa nas oficinas. “Esse projeto é uma forma de incentivar ainda mais o hábito da leitura, que é uma forma de liberdade e de agregar conhecimento”.

Segundo a chefe do Setor de Educação do EPFIIZ, Ana Lúcia Coinete Depolito, foram selecionadas internas de perfis variados, que demonstraram interesse e que serão inseridas na remição pela leitura ofertada na unidade prisional.

Assim como esse projeto de literatura no EPFIIZ, as ações de reintegração social promovidas em unidades prisionais da Agepen são coordenadas pela Diretoria de Assistência Penitenciária.

💬 Receba notícias antes de todo mundo

Seja o primeiro a saber de tudo o que acontece nas cidades de Mato Grosso do Sul. São notícias em tempo real com informações detalhadas dos casos policiais, tempo em MS, trânsito, vagas de emprego e concursos, direitos do consumidor. Além disso, você fica por dentro das últimas novidades sobre política, transparência e escândalos.
📢 Participe da nossa comunidade no WhatsApp e acompanhe a cobertura jornalística mais completa e mais rápida de Mato Grosso do Sul.