Neste final de semana, moradores de Dourados poderão se vacinar contra a dengue e gripe. Para garantir o atendimento, foram montados quatro pontos neste sábado (6) e também no  domingo (7) com vacina contra as duas doenças.

Confira os locais:

Vacina contra dengue

Sábado

  • Sala de Vacinação do PAM – 8h às 14h (4 a 59 anos)
  • Shopping Avenida Center  – 10h às 22h (18 a 59 anos)
  • Farmácia Katayama – 8h às 12h (18 a 59 anos)
  • Unidade de Saúde Seleta – 15h às 17h (4 a 59 anos) – Ação faz parte do Agita Dourados que acontece no Parque do Lago no sábado)

Domingo

  • Sala de Vacinação do PAM – 8h às 13h (4 a 59 anos)
  • Shopping Avenida Center – 14h às 20h (18 a 59 anos)

Vacina contra Gripe

Sábado

  • Sala de Vacinação do PAM – 8h às 14h (Grupos prioritários)
  • Shopping Avenida Center – 10h às 22h (Grupos prioritários)

Domingo

  • Sala de Vacinação do PAM – 8h às 13h (Grupos prioritários)
  • Shopping Avenida Center – 14h às 20h (Grupos prioritários)

Segunda dose Dengue

Dourados já iniciou a 2ª dose da vacina contra a dengue. O imunizante já está disponível para quem recebeu a primeira dose há três meses. 

O secretário de saúde, Waldno Lucena Júnior, alerta ainda sobre o término do prazo para o recebimento da primeira dose, que acontece no dia 30 de abril.

“É fundamental que a população busque sua primeira dose até o fim deste mês. A data foi definida seguindo os critérios técnicos definidos pelo laboratório, que leva em consideração o período entre a primeira e a segunda dose e a data de vencimento das vacinas. Dessa forma, a pessoa que começa a imunização em abril, pode completar a proteção em julho “, explica.

Grupo prioritário Gripe

No momento, a imunização da Inflluenza será restrita a grupos prioritários:

  • Idosos com 60 anos de idade ou mais 
  • Crianças de 6 meses a 5 anos, 11 meses e 29 dias
  • Gestantes 
  • Puérperas 
  • Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais
  • Pessoas com deficiência permanente 
  • Pessoas em situação de rua
  • Professores do ensino básico e superior
  • Trabalhadores da Saúde 
  • Caminhoneiros
  • Trabalhadores de Transporte Coletivo Rodoviário Passageiros Urbano e de Longo Curso
  • Trabalhadores Portuários 
  • Forças de Segurança e Salvamento 
  • Forças Armadas 
  • Funcionários do Sistema de Privação de Liberdade 
  • População privada de liberdade, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas
  • Povos Indígenas 

As pessoas portadoras de doenças crônicas devem comparecer a um local de vacinação com documentos que comprovem a condição clínica.

Já as pessoas dos grupos de profissões previstas precisam comprovar a ocupação profissional com crachá ou contracheque, dentre outros documentos que possam identificar o trabalhador.

Todas as pessoas devem comparecer a um local de vacinação com caderneta de vacinação e documento de identificação.