As cobras estão à solta em Campo Grande e aproveitaram para dar um passeio por Campo Grande, nesta semana. O município já registrou duas aparições de serpentes na área urbana em dois dias.

Grandes estrelas no Bioparque Pantanal com Gaby e Rachel, as cobras resolveram se mostrar também em outros bairros da Capital. Entretanto, não é necessário pânico, já que são inofensivas.

Nesta terça-feira (9), uma cobra aparentemente da espécie caninana deu às caras na Rua do Cabo, no Bairro Coophavilla II. Moradores ficaram impressionados com a aparição na calçada de uma residência. A PMA (Polícia Militar Ambiental) foi acionada para recolher o animal.

Vale ressaltar que a cobra caninana não tem veneno e usa a constrição e estrangulamento em suas vítimas. Ela se alimenta de ovos, aves, pequenos roedores e morcegos. Quando ameaçada infla o pescoço e vibra a cauda para assustar o possível predador. Pode até dar o bote, mas não possui perigo algum.

Jiboia fazendo ‘caminhada’

No domingo, uma jiboia chamou a atenção no Parque dos Poderes. O local é fechado aos fins de semana para o projeto Amigos do Parque e num domingo chuvoso, a serpente também resolveu sair para se alongar.

Agentes do Detran-MS (Departamento de Trânsito de Mato Grosso do Sul) cuidaram para que a Dona Jiboia atravessasse a rua com segurança. É comum a aparição de jiboia e outros animais das dependência do Parque dos Poderes devido a grande área de vegetação preservada na região.

Confira os flagras: