Mato Grosso do Sul está no epicentro da onda de calor, o que reflete nas altas temperaturas. Nas últimas 24h, cidades do Estado ultrapassaram 40°C, liderando o ranking de mais quentes do Brasil, conforme o (Instituto Nacional de ).

Conforme o monitoramento, e marcaram calor de 42,2°C, liderando a lista. também está entre as 10 mais quentes do país na quinta-feira (14).

Ainda segundo o Inmet, o país enfrenta a 9ª onda de calor do ano, desta vez, com intensidade na região centro-sul do Brasil. Até o domingo (17) o Estado pode registrar temperaturas acima de 45°C, com destaque na região sudoeste, pantaneira, central e bolsão.

Beba água

O Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima) explica que o fenômeno ocorre devido à atuação da alta pressão atmosférica em médios níveis.

Neste período a orientação é ingerir bastante água, pois a umidade relativa do ar estará em índice crítico, os níveis variam de 10 a 40%. Portanto, o sul-mato-grossense deve evitar ao sol durante os horários mais quentes e umidificar o ambiente.