Três rios de Mato Grosso do Sul estão em situação de alerta devido ao nível acima da cota, de acordo com o boletim do Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul), publicado nesta terça-feira (14).

O rio /Miranda possui como índice de alerta 600 cm e teve média de 667 cm nesta terça-feira (14). O Taquari registra 449 cm, o que representa 49 cm acima do ponto de referência, e o Rio Aporé marcou 154 cm nesta terça, enquanto a cota de referência de alerta é de 150 cm.

Sobre a chuva, as cidades de Miranda e Coxim registraram na última semana acumulados acima da média histórica de março.

Miranda recebeu mais que o dobro do acumulado previsto para todo mês, com 179,8 mm de chuvas nos últimos dias, enquanto a média histórica é de 83,9 mm, ou seja, 114,30% acima.

Além disso, Coxim tem como média histórica de março 108,4 mm e já registrou 164,4 mm de chuvas na última semana.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil de Coxim, Gilberto Portela Lima, a cidade teve alagamentos em algumas residências e estragos pela cidade, mas “nada fora do normal”.

“Choveu praticamente a semana toda, ontem e hoje foram as chuvas mais volumosas, mas o está tranquilo, dentro da normalidade”, explica.

Já em Miranda, a defesa civil relata que contabiliza os estragos causados pelas chuvas dos últimos dias. Além disso, está intransitável a para o refúgio ecológico Caiman, que abriga as ONGs Onçafari e Instituto Arara Azul.

“Choveu das 3 horas da manhã até agora de manhã, com muitos trovões, tivemos muitas ruas alagadas. A maioria das casas precisa de aterro para colocar nos quintais para evitar que a água entre”, relata o coordenador Amarildo Arguelho.

Além disso, quatro pessoas desalojadas do bairro Pantanal continuam abrigadas no espaço público cedido pela Prefeitura após as fortes chuvas da última semana, quando o atingiu a marca de 7,38 metros.

“Agora o rio está 3,5 metros acima do normal, mas está baixando”, relata o coordenador da defesa civil.

Diversas secretarias e entidades estão em contato com a Defesa Civil para dar apoio à população em Miranda.

Confira abaixo o vídeo da estrada para o refúgio Caiman

Qual a previsão do tempo?

De acordo com o Cemtec, a previsão do tempo até a próxima quinta-feira (16) aponta sol e variação de nebulosidade. Contudo, são esperadas chuvas de intensidade fraca a moderada. Pontualmente, podem ocorrer chuvas de intensidade forte e tempestades acompanhadas de raios e rajadas de vento.

São esperados acumulados de chuvas acima de 30 mm/24h, com destaque na região centro-sul do estado. O alerta é para os locais onde o solo já encontra-se encharcado devido às chuvas ocorridas nos últimos dias, com risco de inundações repentinas e alagamentos.

As instabilidades atmosféricas ocorrem devido ao transporte de calor e umidade, aliado a atuação de áreas de baixa pressão atmosférica.

Saiba Mais