O Programa Social Povo das Águas atende a partir de segunda-feira (4) famílias da parte alta do sul-mato-grossense.

Esta edição do Povo das Águas contará com a presença de servidores do Imasul (Instituto de de Mato Grosso do Sul) e do Ministério da , que farão atendimentos informativos, cadastramento, carteirinha de pesca e regularização documental das famílias ribeirinhas.

Servidores da DPU (Defensoria Pública da União) também estarão na Ação oferecendo atendimentos jurídicos, informativos, encaminhamentos e a abertura de processos judiciais. Técnicos do Instituto de Identificação Gonçalo Pereira, Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública, ainda estarão fazendo RGs para os ribeirinhos.

Atendimento

Na segunda-feira (2), das 7h às 11 horas, a equipe estará no Porto do Zequinha, na região do Castelo, e das 14h30 às 17h30, na escola Jatobazinho.

Na terça-feira (3), o trabalho será concentrado na Escola Municipal do Paraguai Mirim, das 8h às 13 horas.

Na quarta-feira (4) serão assistidas as famílias do Porto São Francisco e do Mato Grande das 7h às 11 horas, na casa da Senhora Marvina. No período da tarde, das 14h30 às 17h30, o atendimento será no Porto Chané.

Na quinta-feira (5) o atendimento será na Escola Municipal da Barra do São Lourenço, das 7h às 12 horas. Devem comparecer ao local os moradores do Amolar, Porto do Binega e da Barra do São Lourenço.

Na sexta-feira (6) a equipe estará no Porto Novo Horizonte, das 7h às 11 horas, e no Porto Mangueiral, das 14h às 16 horas, assistindo os ribeirinhos do Rio São Lourenço.

A Ação Social termina no sábado (7) quando serão atendidas as famílias da região de Domingos Ramos, no sítio Talismã, das 8h às 12 horas, e Piuval e Capim Gordura, no período da tarde.