Um influencer fitness de Dourados, distante a 229 km de Campo Grande, foi pego em flagrante durante fiscalização do Conselho Regional de Educação Física de Mato Grosso do Sul, na quarta-feira (07, dando consultorias e dicas de treino sem ter o diploma de educação física.

De acordo com o conselho da categoria, o homem se passava por profissional e, além dele, dois estabelecimentos foram autuados e penalizados por não possuírem registro no CREF11/MS.

Os locais autuados podem ser denunciados à Vigilância Sanitária/Procon e a multa para as empresas que permitem exercício profissional de pessoas sem formação na área pode chegar a R$ 7.452 e de R$ 3.015,35 para o responsável técnico do local.

Dois acadêmicos também foram encontrados sem o termo de compromisso de estágio dando aulas em academias e sem a supervisão de um profissional formado em educação física, o que é proibido. 

Segundo o CREF11/MS, caso a situação dos estudantes não seja regularizada, será protocolada denúncia por exercício ilegal da profissão na Delegacia de Polícia e ao Ministério Público.

Onde denunciar?

As denúncias de falsos profissionais podem ser feitas pelo WhatsApp: (67) 9 9987-8366 ou e-mail: fiscalizacao@cref11.org.br. Caso queira consultar se um profissional ou estabelecimento é habilitado, clique aqui.