A Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda) identificou um “site dublê” que se passa pelo endereço oficial de pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), que aplicava golpes em contribuintes fazendo a falsa cobrança do tributo.

De acordo com a administração estadual, o site levava os contribuintes de ao erro, que caíam no golpe pela internet, pagando um boleto.

Segundo equipe de Tecnologia da Informação fazendária do Governo, o anúncio fraudulento está intitulado como “I P V A 2023 – I P V A – pagedemo.co”. O site falso acessava em segundo plano o site da Sefaz.

No endereço dos golpistas eram gerados boletos de pagamentos falsos. Ou seja, o dinheiro dos contribuintes além de não quitar o imposto ainda eram perdidos, ficando de posse dos golpistas.

A secretaria então emitiu o alerta e ainda determinou como primeira providência a suspensão temporária do site de pagamento do IPVA 2023. “A reafirma seu compromisso com a transparência pública, bem como com os contribuintes sul-mato-grossenses”, explica a nota de alerta.

Além das providências técnicas e administrativas, a pasta fazendária de Mato Grosso do Sul também já acionou a Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública) para que todas as medidas cabíveis na esfera criminal possam ser tomadas.