Lançado na última terça-feira (18), o passaporte digital equestre está focado na agilidade para reduzir burocracias e, assim, facilitar o transporte de cavalos em .

Conforme o Governo de Mato Grosso do Sul, medida atuará de forma positiva nas modalidades esportivas, como laço comprido e hipismo, que fazem a locomoção de equinos para várias cidades, por exemplo.

Documentações

Antes, para transportar os animais eram necessárias todas as documentações em relação ao cavalo impressas como GTA, resenha e exame negativo de mormo. Agora, estas informações estarão presentes por meio de aplicativo, que o transportador vai apresentar aos órgãos de nas estradas.

“Faz tempo que discutimos a necessidade de digitalizar este processo, com o passaporte equestre que é digital, sendo uma entrega importante ao setor, porque facilita a vida do produtor, diminui custos e preserva e torna segura a questão sanitária”, disse o governador Eduardo Riedel.

“Antes tinha que carregar todos estes documentos impressos no transporte dos equinos, agora vai constar tudo no aplicativo”, reforçou o secretário da Semadesc, Jaime Verruck.

Como acessar o app?

Para que o transportador tenha acesso ao passaporte digital, ele precisa baixar o aplicativo ‘App Transportador da ' – disponíveis nas lojas de aplicativo do celular – e realizar os devidos procedimentos.